Chapadão do Sul/MS

“CARAVANA “Braço Forte” mostrou força do agronegócio de Chapadão do Sul Chapadão do Sul no movimento Brasil Verde Amarelo em Brasília

      Chapadão do Sul teve forte participação no ato de apoio ao presidente Jair Bolsonaro no dia 15 de março, em Brasília. A “Braço Forte” partiu do município num ônibus fretado e dezenas de carros. Foi – segundo os organizadores – uma das mais importantes comitivas no manifesto. O evento teve o apoio do Sindicato Rural, da Ampasul, Aprosoja e produtores rurais e empresários do agronegócio e de outros setores com cerca de 200 pessoas representando a “Capital Agrícola” de MS.  

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, foi pessoalmente recepcionar a delegação sul-chapadense numa rápida conversa na manhã do sábado (15). Agradeceu o empenho de todos, especialmente do agronegócio, por tudo o que tem feito pelo Brasil. Disse que iria destacar a presença maciça do Mato Grosso do Sul ao evento junto ao presidente Jair Bolsonaro.   

O deputado Federal Nelson Barbudo (PSL) não visitou o acampamento, mas em entrevista ao radialista Azevedo Jr da Rádio Cultura, também enfatizou  a força da delegação sul-chapadense. Antes do retorno para casa a delegação de Chapadão do Sul fizeram questão de registrar – em frente do Supremo Tribunal Federal – a indignação contra os atos praticados pelos seus ministros em desfavor do povo brasileiro e em desobediência à Constituição Federal.

Em frente ao Palácio do Planalto foram colocadas faixas com frases de apoio ao presidente Jair Bolsonaro, pedidos por democracia, por liberdade, cumprimento à Constituição e a independência dos Poderes. O primeiro ato promovido pelo Movimento Brasil Verde e Amarelo e intitulado “O Agro e o Povo pela Democracia” levou tratores e máquinas agrícolas para a frente do Congresso Nacional. 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também