Chapadão do Sul/MS

VENEZUELANO é preso com R$ 2 mil em papelotes de cocaína em Chapadão do Sul. Polícia Militar apreendeu drogas e dinheiro

A exemplo de outras cidades de MS, Chapadão do Sul abriga vários refugiados venezuelanos que trabalham com vendas de acessórios para carros como trabalho lícito na área central da cidade Apesar disso a Polícia Militar prendeu em flagrante um destes estrangeiros acusado de integrar o tráfico de drogas e vender cocaína a usuários no bairro Espatódia. Estava com o equivalente a R$ 2 mil do pó em papelotes e R$ 289,00 em  cédulas e moedas. Dentro de sua casa a PM localizou 32 porções prontas para venda escondidos dentro de um brinquedo de criança.

A Polícia Militar recebeu a denúncia de atividade ligado ao tráfico pelo Telefone de Emergência (190) num endereço do bairro Espatódia e rapidamente mobilizou guarnições  para o local. Os PMs viram um homem na calçada pegando – provavelmente – uma parada de cocaína. Ele conseguiu fugir em direção a Avenida rio Grande do Norte ao ver a chegada das viaturas. Já o venezuelano não teve a mesma sorte e foi preso em flagrante com um papelote no bolso.

O estrangeiro tentou correr para dentro de casa, mas o portão fechado impediu a manobra. Foi necessário o uso de força moderada para contê-lo porque resistiu à prisão. Na casa estava a mulher que assegurou não haver nada de ilícito em seu interior. Após busca minuciosa foi encontrado 32 papelotes dentro de um brinquedo de criança embalados para venda. Num outro pote de suplementos continha cédulas e várias moedas que totalizaram R$ 289.50.

O venezuelano disse que a mulher não sabia do entorpecente. Na informação repassada à PM também consta a venda de cocaína a caminhoneiros que passam por Chapadão do Sul. O acusado de tráfico foi conduzido à delegacia de Polícia Civil juntamente com 60 gramas de cocaína avaliados em  R$ 2 mil e o dinheiro apreendido. Uma equipe do CRAS (Centro de Referência em Assistência Social) para verificar a situação da mulher e de uma criança, filha do casal.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também