Chapadão do Sul/MS

CÂMERA INDISCRETA filmava pessoas usando banheiro público em Paraíso das Águas. Imagens eram postadas em sites pornográficos      

       Um funcionário público foi preso em flagrante por armazenar fotos e vídeos desautorizados de quatro mulheres durante o uso de um banheiro público em Paraíso das Águas.  A denúncia partiu de uma vítima que mora em Itumbiara (GO) e teve a intimidade exposta em sites pornográficos desde de 2019 quando foi ao município ministrar um curso Em dado momento foi ao banheiro sem imaginar que tinha câmeras registrando todos os seus movimentos ao fazer necessidades fisiológicas. O mesmo procedimento deve ter sido usados com todas as quatro mulheres cujas imagens também foram compartilhadas de forma criminosa.

A prisão se deu na manhã de hoje durante a operação “Ox in the bathroom” (Boi no Banheiro) com as participações da Polícia Civil de Paraíso das Águas com apoio de agentes de Chapadão do Sul e Costa Rica. O nome da ação foi dada durante as investigações após a denúncia de uma vítima na cidade de Itumbiara (GO). Segundo ela, durante os dias em que ministrou um curso na cidade,  em 2019, na Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Meio Ambiente e Turismo (Sedemat), foi filmada seminua e exposta para o mundo num site de pornografia.

Diante dessa informação a equipe policial de Paraíso das Águas passou a investigar o perfil utilizado no site de pornografia “PUTZBOI” onde foi constatado que no mesmo portal havia a intimidade exposta de mais quatro mulheres também filmadas no mesmo banheiro. As imagens eram produzidas em ângulos diferentes, sugerindo o uso de mais de uma câmera.

 Os policiais suspeitarem de alguém que também fazia parte da Secretaria. Foi feito representação pela Busca e Apreensão na casa dos suspeitos e  durante a busca num dos imóveis foram encontrados os vídeos e fotografias das mulheres que tiveram a intimidade invadida enquanto faziam uso de um banheiro público. No computador usado pelo funcionário público suspeito também foram encontrados vídeos e fotografias das  pessoas usando o mesmo banheiro. O servidor foi preso em flagrante. Além dos vídeos encontrados em dispositivos eletrônicos também apreendida uma pistola da marca Taurus calibre .380, municiada com registro vencido em nome de outra pessoa. (Foto / Ilustração)

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também