ALERTA sobre acidentes com escorpiões volta a ser pauta do Controle de Vetores em Chapadão do Sul. Menina morreu no Sul do MS no ano passado

Publicada em 06/12/2017, lida 492 vezes.

      No ano passado vários moradores acharam escorpiões amarelos dentro de residências. Um dos casos registrados foi na Avenida Paraná (Bairro Sibipiruna) em Chapadão do Sul. A cor identifica uma das três espécies mais venenosas do Brasil.  Não são raras as localizações de escorpiões no município em períodos específicos. Uma menina de dez anos morreu após ser picada em Brasilândia, Sul do MS. Ela sofreu uma parada cardiorespiratória durante o atendimento. Idosos também podem não suportar o veneno e estão na lista de vítimas fatais.  O setor de Controle de Vetores voltou a emitir alerta sobre os cuidados para evitar acidentes com este perigoso aracnídeo. 

No mundo existem algo aproximado de 1.400 espécies de escorpiões, até o momento catalogadas pelos aracnologistas, sendo que no Brasil existem cerca de 75 espécies espalhadas pelo País, este insetos podem ser encontrados tanto em cidades como em fazendas. Os escorpiões possuem hábito noturno, quando  saem para caçar  sendo um predador carnívoro que alimenta-se de insetos como baratas, grilos e mariposas.

IMUNE À INSETICIDA - Durante o dia esconde-se debaixo de tijolos, telhas, pedras, rachaduras em paredes, também por ser mais fresco eles procuram abrigo em casa e por esse motivo que acontecem os acidentes com pessoas. Podem viver vários meses sem água e alimento em seus esconderijos. Seu aparecimento é causado pela presença de outros insetos, como a barata e imunes a qualquer tipo de inseticida, exceção os à base de querosene pulverizado diretamente em seu corpo. 

MANTENHA QUINTAL LIMPO - A eliminação passa pela conscientização de limpar caixas de gorduras onde há presença de baratas e outros insetos. Não deixar entulhos no quintal, eliminar telhas, tijolos velhos e tudo que possa servir de abrigo para o escorpião. Seus principais predadores são pássaros, lagartixas, galinhas e alguns mamíferos insetívoros. A maior parte dos acidentes em adultos é benigna, mas em crianças e idosos é quase sempre fatal, se não forem tomadas as devidas providências em curto espaço de tempo. ASSECOM)

  CUIDADOS

 

- Verifique cuidadosamente calçados, roupas, toalhas e roupas de cama antes de usá-las.  

- Limpe periodicamente ralos de banheiro, cozinha e caixa de gordura.

- Feche frestas nas paredes, móveis e rodapés para que não sirvam de esconderijos para os escorpiões.

- Use telas nas aberturas dos ralos, pias e tanques. Evite a presença dos escorpiões;

- Não deixe acumular lixo(entulhos nos quintais).

- Coloque o lixo em sacos plástico fechados para evitar baratas e outros insetos.

- Mude periodicamente de lugar materiais de construção que estejam armazenado.

- Mantenha jardins e gramados bem cuidados.

Vale ressaltar que inseticidas e outros produtos não são eficazes contra escorpiões e podem gerar riscos de acidentes devido ao efeito irritante desses produtos.

ALERTA sobre acidentes com escorpiões volta a ser pauta do Controle de Vetores em Chapadão do Sul. Menina morreu no Sul do MS no ano passado

Comentários desta notícia